Luiz Carlos Borgonovi (EMS) é reeleito para presidência do colegiado. Marcelo Belapolsky (Sandoz) segue na vice-presidência. 

A PróGenéricos (Associação Brasileira das indústrias de Medicamentos Genéricos e Biossimilares) elegeu nova diretoria para biênio 2022-204. O executivo Luiz Carlos Borgonovi (EMS) foi reconduzido à presidência do Conselho Administrativo da entidade, tendo como suplente Gabriella Mallmann (Aché).

Marcelo Belapolsky (Sandoz), também foi reeleito para mais um mandato como vice-presidente do colegiado, com suplência de Hernani Sério (Fresenius Kabi). 

Para a diretoria do conselho foram eleitos Eder Maffissoni (Prati Donaduzzi), Leonora Rodrigues (Hypera), Maurício Mendonça (Sanofi) Medley, Amarai Furtado Silva (Cimed), Maurizio Billi (Eurofarma) e  Eduardo Martins (Pharlab). O conselho fiscal contará com Daniela Couto (Sandoz) e Fernando Neves da Silva (EMS). 

A presidência executiva da entidade segue a cargo de Telma Salles. 

Sobre a PróGenéricos

Fundada em janeiro de 2001, a PróGenéricos (Associação Brasileira das Indústrias de Medicamentos Genéricos e Biossimilares) congrega os 15 principais laboratórios que respondem por aproximadamente 90% das vendas de genéricos no país. Sem fins lucrativos, a entidade tem como principal missão contribuir para a melhoria das condições de acesso a medicamentos no Brasil através da consolidação e ampliação do mercado de genéricos. Articulando-se com diversos setores da sociedade, instituições de ordem pública e privada, a PróGenéricos canaliza as ações de suas associadas, dando densidade ao debate público em torno de questões relevantes para o setor da saúde e para o desenvolvimento da indústria farmacêutica no país. Visite o site: www.progenericos.org.br.

Divulgação PróGenéricos

Anterior

EMS doa R$ 1 milhão para projeto educacional em Camaragibe-PE

Próxima

Sancionada Lei sobre bula digital de medicamentos